Sara Almeida Santos

| A Sara é leitora do Blog | Protusão discal | Ajuda da Blogger Joana | Instagram

thumb

1. Quanto tempo de treino tens? 

Um ano e meio a sério, antes disso andei um ano a “brincar” noutro ginásio 😛 onde praticamente só fazia cardio e aulas de grupo.

2. Porquê musculação? 

Confesso que no passado tinha aquela ideia parva de que as mulheres que treinavam com pesos ficavam demasiado musculadas. Resolvi inscrever-me num ginásio, mas só fazia praticamente cardio e aulas de grupo. Perdi uns kgs de facto e melhorei a minha condição física no geral, mas não estava a notar nenhuma mudança significativa no meu corpo em termos de definição
muscular.Sara Na altura que me inscrevi nesse ginásio o meu namorado inscreveu-se noutro e começou a treinar a sério e a melhorar a alimentação. Começou a informar-se junto de treinadores e procurar bastante material (internet, livros) para aprender mais sobre a musculação e alimentação, e eu ia aprendendo também e a ver os resultados a surgirem nele. Após 1 ano, conseguiu convencer-me a ir para o ginásio dele e comecei com os treinos a sério, sempre acompanhada por um treinador. Portanto pode dizer-se que quem me incentivou para treinar “a sério” foi mesmo o meu namorado, e posteriormente o treinador do novo ginásio que percebeu os meus objectivos desde o início e esteve sempre a puxar por mim (tipo tropa mesmo!).

A escolha pela musculação foi por gosto mesmo e também porque comecei a “desmistificar” a coisa e a perceber que, ao contrário do que se pensa, traz grandes benefícios para as mulheres e é muito eficaz para “moldarmos” o nosso corpo como queremos 🙂 e quando os resultados começaram a aparecer, ainda mais vontade me deu para continuar!

3. Onde costumas fazer compras ?

Como ainda não trabalho, são os meus pais que me pagam a comidinha saudável (apesar de SaraSantosser sempre eu a ir comprá-la), por isso não costumo contabilizar ao certo quanto gasto, nem tenho uma altura certa para ir às compras, depende daquilo que me vai fazendo falta. Mas apesar disso sou bastante poupada e tento sempre, na medida do possível, ir ao supermercado mais barato para comprar determinados alimentos e claro, estou sempre atenta às promoções. No início comprava tudo no mesmo supermercado, até começar a pesquisar melhor na internet e através de outras pessoas e blogs (este principalmente!) fui descobrindo formas de poupar nas compras, comprando noutros sítios.

Dos alimentos que mais consumo (e gosto):

  • Ovos
  • Aveia
  • Muesli
  • Leite magro (gostava muito de poder beber leite magro sem lactose mas infelizmente é o dobro do preço e não dá mesmo para o orçamento)
  • Iogurtes naturais magros e queijos frescos magros
  • Batata doce (feita de todas as maneiras e feitios… adoro!!), arroz integral e basmati;
  • FRANGO e mais FRANGO (por mim comia frango todos os dias)
  • Atum natural
  • Feijão e grão
  • Muitos legumes (aposto mais nos congelados porque são mais económicos, e ao contrário do que quase toda a gente pensa, são muito mais frescos do que os ditos “frescos” porque são congelados assim que são colhidos e não perdem nutrientes, para além de cozinharem em 5 minutos), principalmente brócolos, feijão-verde, espinafres e cenouras; frutos secos (amêndoas, amendoins, sementes de girassol…)
  • Alguma fruta (principalmente banana antes do treino e abacate).
  • Para beber só água, chás (principalmente chá verde, cavalinha…) e café (de manhã e/ou antes do treino), nunca toco em refrigerantes e bebidas alcoólicas é MUITO raro.

4. Como descobriste, e como é que tens lidado c a tua lesão ? 

Há uns meses ao fazer o meu aquecimento normal no ginásio deu-me uma dor na lombar e não passava, prolongando-se pela perna direita (ciática). Quando finalmente fiz exames médicos, onde foi visível uma “protusão discal” (início de uma hérnia). Não sei qual foi a causa do problema, pode nem sequer ter tido nada a ver com a musculação, apesar de eu ter noção que talvez tenha abusado nos pesos (principalmente nos agachamentos com barra atrás).
A minha primeira reacção foi de bastante desânimo, comecei a pensar que muito provavelmente teria de deixar de praticar musculação (ou pelo menos com os pesos com que treinava), que iria regredir nos meus resultados, etc etc. Cheguei mesmo a falar com uma antiga blogger e praticante de musculação1 que me deste a conhecer, a Joana, que teve o mesmo problema que eu e foi uma querida, deu-me vários conselhos, levantou-me a moral e até se ofereceu para me ajudar pessoalmente.

Depois do choque inicial, procurei um treinador especialista em reabilitação física que me passou novos planos de treino e falou comigo acerca das minhas limitações, aquilo que teria mesmo de eliminar dos meus treinos e aquilo que teria de ter um cuidado redobrado a fazer. Infelizmente tive de deixar o agachamento com a barra atrás e o crunch normal com peso, por exemplo. Pensei que ia deixar de fazer peso morto mas afinal não 🙂 inclusive tenho esse exercício no treino de força (para fazer com bastante carga e poucas reps, mas com muita atenção à execução do exercício). Saí de lá muito mais animada, porque apesar de ter substituído muitos exercícios, o efeito é o mesmo e não significa regredir nos resultados dos treinos! Aproveito até para dizer a todas as pessoas que possam ter alguma limitação física que há sempre alguma coisa que podem fazer! Se forem seguidos por profissionais experientes, há sempre uma maneira de melhorar a vossa condição física sem comprometer a vossa saúde! Aliás, a maior parte das vezes o exercício ajuda (por exemplo para reduzir as dores), tanto que desde que mudei o meu plano de treino as dores abrandaram muito!

5. Como é que é a vida de um casal fit ?

Olha acima de tudo é muito bom partilharmos o mesmo gosto pelo fitness e treinarmos juntos. Apesar de cada um estar a fazer o seu treino, estamos sempre a ajudar-nos um ao outro e damos o nosso melhor. Às vezes a brincar (mas com um fundo de verdade) digo que antes os nossos “encontros” eram ir lanchar fora ou ir passear para algum lado, e agora são passados no ginásio, mas nem é totalmente verdade, claro que passamos muito tempo no ginásio (o que é bom, porque assim não vamos comer porcarias lol) mas continuamos obviamente a passear e a fazer todas as coisas que os outros casais fazem.

É sempre motivante ter um “parceiro de treino”, se fosse treinar sozinha se calhar desanimava logo ou teria mais tendência para faltar aos treinos, assim já é uma rotina nossa e não falhamos! E sabemos que os resultados estão à vista quando amigos e outras pessoas vêm ter connosco para pedir alguns conselhos e já conseguimos converter alguns a um estilo de vida mais saudável, o que é sempre um motivo de orgulho 🙂

Obrigada Sara !


@doublefitnesstrouble 

|Eu conheci a Sara através do Blog e demos logo bem desde o inicio. Aquario e Gémeos é aquela coisa eheheh (sim, sempre com essa coisa dos signos iihih)

|É claro que adorei a tua contribuição aqui no Blog, mais uma vez 😀

Post aqui

 Bons Treinos!