Uma reflexão que poderia ser tua..

|Facebook do atleta Rui Vieira  aqui

|Um exemplo das reflexões que o Rui partilha 😉 Boa mensagem!

Texto retirado, com algumas alteracoes e inclusoes:

As pessoas teem a mania de criar rapidamente algum esteriotipo ou alguma critica para poderem lidar com aquilo que e’ bem maior que elas.
Ja’ ouviram a frase : ” Ninguem odeia o feio e ninguem inveja o fraco’? Pois bem..
No fundo, todos gostavam de ter alguma determinacao, uma parte daquela que os verdadeiros interessados e dispostos teem. Ou existe alguem que goste de ser obeso, com barriga, magro, pele e osso? Obviamente que nao, mas torna se mais facil injuriar um suposto lanche de batata doce e frango do que um kinder bueno ou 7 cervejas.

Sao essas mesmas pessoas, que quando te veem com alguma condicao, esquecendo o sacrificio que esta’ por tras, dizem “com batidos tambem eu “, como se elas soubessem minimamente o que e’ um “batido” ou la a magia que lhes queiram chamar e que lhes vai no cerebro vazio e oco. Se fosse facil mudar, ou se e’ tao facil mudar com um “batido” por 40 euros nao se tornam os super homens e super mulheres porque?? Hmmm…. pois, talvez no fundo os seus cerebros nao sejam tao vazios e a consciencia leva os para a realidade, e’ bem mais que “batidos”, so que… o resto, infelizmente nao se compra ou se vende, vem da propria pessoa, o que e’ bem mais complicado.

E’ necessario perceber que o culturismo, e’ mais que um desporto normal, e’ uma base para as restantes vertentes da nossa vida, profissional e pessoal, e julgo que todos mudaram muito apos essa insercao neste desporto, principalmente na disciplina, no sacrificio e no suportar, dias muitooo dificeis. A maior barbaridade que se ouve e’ o nao posso mudar porque… e a resposta que vem em seguida e’ vaga, sem logica e totalmente clara da personalidade de quem quem a diz.

A nossa sociedade cada vez esta’ mais vaga de interesses e objetivos a longo prazo, e cada vez mais interessadas em curtos prazeres que nao saciam e que vivem numa completa insaciedade e consequentemente num processo de vida totalmente a’ nora, com quem se e’, o que se quer ser, o que se vai fazer para, e o querer la chegar. Nao existem atalhos, em nada, existem mentes fortes e determinacao. Ja alguma vez te colocaste a’ prova?? …